BEHIND the TABLE

O retrato de duas gerações unidas pela experiência e ambições futuras

Herdade Grande

“Os nossos dias começam cedo e acabam tarde. Temos consciência de que existe
um aumento de consumo de vinho mas, a procura é cada vez mais exigente
e queremos superar sempre as expectativas!

Vídeo por Nuno Miguel

Q & A

Entrevista por Maria Ana Marques

No Alentejo fomos conhecer a Mariana Lança e o seu pai, António Manuel Lança responsáveis pela Herdade Grande. Uma propriedade agrícola localizada a cerca de 5 Km de Vidigueira, com área total de 350 hectares dos quais 60 de vinha.

Mantendo-se fiel aos seus princípios, a empresa familiar produz e engarrafa os próprios vinhos com as uvas do seu terroir. Em animada conversa ambos nos contam que “Não chega fazer bom vinho se este não chegar ao consumidor” mas, os prémios e distinções obtidos ao longo dos últimos 20 anos vêm comprovar a qualidade e a diferenciação do que é produzido na Herdade Grande.

Esta propriedade pertence à família há cerca de um século e tanto a Mariana como o pai reconhecem que os clientes estão mais exigentes face à maior oferta, contudo a verdade resume-se: tanto no mercado nacional como no internacional a marca Herdade Grande continua a ser uma marca de referência.

LER REPORTAGEM COMPLETA

1. Qual a história da Herdade Grande?
Foi adquirida em 1920, data em que a vinha e o olival eram culturas presentes. Nela nasceu o meu pai, o produtor, licenciado desde 1970 em Engenharia Agrónoma, pelo Instituto Superior de Agronomia. Conjuntamente com propriedades confinantes a HG forma uma Reserva de Caça Turística, com 750 hectares. O projecto vitivinícola iniciou-se com a instalação de vinhas em 1980 e a vinificação em 1997, pretendendo-se produzir e comercializar 350.000 a 400.000 garrafas de vinho, das quais 30% Branco e 70% Tinto. Em 2008 iniciou-se a comercialização de Azeite da nossa azeitona, com marca Herdade Grande, recorrendo, para o efeito, a prestação de serviços. Há cerca de 5 anos integrei-me na equipa técnica, sou agrónoma com mestrado em Viticultura e Enologia, e é nessa condição que faço a ponte entre a produção/comercialização e a gestão ainda hoje da responsabilidade do meu pai.

2. O que vos distingue essencialmente?
A relação geracional que sempre existiu e continua a existir. Pai e filha a trabalharem lado a lado, nos últimos cinco anos, reforçou a qualidade dos nossos vinhos.

3. Mariana, como é um dia típico da equipa que gere uma empresa desta dimensão?
Começa cedo e termina tarde! Tenho de gerir uma equipa relativamente pequena, mas tudo passa por mim. Procuro envolver-me e participar em tudo por forma a fortalecer o espírito de equipa. Os telefonemas são muitos entre pai e filha, pois a experiência profissional e ensinamentos da vida são algo de muito precioso. Logo cedo há uma passagem pela parte agrícola, seguindo-se o planeamento/preparação de encomendas, stocks, contactos comerciais, etc.

4. Quais são os vinhos mais interessantes que podemos encontrar da vossa marca e porquê?
Todos os nossos vinhos Brancos têm algo especial que os distancia dos brancos do Alentejo. São Brancos muito equilibrados, com boa fruta, alguma mineralidade, corpo, volume e frescura. No entanto, também se fazem excelentes tintos, como o caso do Gerações e também do Reserva. Se nos brancos facilmente identificamos a boa frescura não comum no Alentejo, no tinto também sentimos o mesmo. Tintos especiais, volumosos, com concentração q.b. e frescura bem marcada.

5. Qual foi o maior desafio até agora?
Superar o tão acarinhado HG colheita selecionada com a criação do Reserva Branco. Não só foi desafiante iniciar esse segmento como é desafiante de colheita para colheita. É dos produtos que nos dá mais “pica” trabalhar pois cada ano tem sempre de ser o melhor de todos.

6. Qual a melhor parte do vosso trabalho?
O desafio constante e o reconhecimento da consistente qualidade dos nossos vinhos.

7. O que ambicionam fazer num futuro próximo?
De preferência melhor e se possível mais.

8. Como se imaginam daqui a 10 anos?
Ainda mais consistente, confirmando tudo o que já conseguimos até hoje.

9. Qual o vosso conceito de sucesso?
Qualidade em 1º lugar! Ser rigoroso desde a uva à garrafa, aliando a tipicidade da região, terroir único HG.

10. Numa frase como descreveriam a Herdade Grande junto dos outros.
Empresa familiar com qualidade consistente, acreditada e guia para alguns!

www.herdadegrande.com
www.facebook.com/Vinhos.HG/


Fotografia por Pedro Lucas